O leite e os perigos da alta da arroba

A teoria microeconômica estuda o comportamento de empresas e consumidores. E é interessante notar que nos últimos anos isso pode ser bem aplicado na cadeia de leite do Brasil, ora por conta das empresas, ora por conta dos consumidores.

19/12/2019|Noticias|

A produtividade mundial do leite e o Brasil

A teoria microeconômica estuda o comportamento de empresas e consumidores. E é interessante notar que nos últimos anos isso pode ser bem aplicado na cadeia de leite do Brasil, ora por conta das empresas, ora por conta dos consumidores.

29/11/2019|Noticias|

Há espaço para o Brasil crescer mais?

A teoria microeconômica estuda o comportamento de empresas e consumidores. E é interessante notar que nos últimos anos isso pode ser bem aplicado na cadeia de leite do Brasil, ora por conta das empresas, ora por conta dos consumidores.

29/11/2019|Noticias|

O dragão chinês e o leite brasileiro

A teoria microeconômica estuda o comportamento de empresas e consumidores. E é interessante notar que nos últimos anos isso pode ser bem aplicado na cadeia de leite do Brasil, ora por conta das empresas, ora por conta dos consumidores.

31/10/2019|Noticias|

A sazonalidade do preço da carne do boi

A discussão no mercado em torno do preço futuro do boi gordo e da carne serão sempre pautas de analistas e agentes do setor. Entretanto, num ambiente que cada vez mais necessita de rápidas e certeiras tomadas de decisões, o empresário do mercado da pecuária de corte deve aprender com o passado.

11/06/2019|Noticias|

Programa Descarte Zero Clarion

É inegável a importância do uso de antibióticos e antiparasitários na moderna produção de carne e leite, principalmente para o tratamento e controle de doenças que podem trazer prejuízos econômicos significativos, além de afetar o bem-estar e a produtividade dos animais.

21/05/2019|Noticias|

Chuva, uma aliada ou um problema para os pecuaristas?

O ano de 2019 começou sinalizando altas temperaturas no Brasil central, o que registrou ao longo das primeiras semanas forte estiagem e em algumas regiões do país problemas com umidade do solo. Entretanto ao longo dos meses de fevereiro e, principalmente março, a precipitação voltou a atingir níveis elevados favorecendo em algumas regiões a manutenção de pastagens e consequentemente um suporte de alimentos que ajudam pecuaristas a equilibrar seus custos com alimentação. Esse movimento tem reflexo no mercado de preços ao produtor.

02/04/2019|Noticias|
pt_BRPortuguese
en_USEnglish pt_BRPortuguese